Portal das Cachoeiras- Roteiros - Cachoeiras Dos Dragões

Roteiros - Cachoeiras Dos Dragões

História

As Cachoeiras dos Dragões ficam a 40 km de distância da cidade na região conhecida como Várzea do Lobo. No local existe o Mosteiro Zen Budista Eisho-Ji.

São 8 cachoeiras numa trilha de 4,5 km de percurso por campos rupestres, veredas, matas, campos cerrados e campos úmidos. Todas as cachoeiras possuem local para banho e água potável e cristalina.

Descrição

A primeira cachoeira do passeio também é a primeira parada para banho. A Portão do Dragão não é muito grande, mas é bonita, e assim como na história, aparenta ter três camadas, formando a queda. É possível sentar em sua base e receber uma deliciosa massagem natural, logo abaixo da queda, há um poço com muitos peixes e é um ótimo local de banho.

A segunda cachoeira do mosteiro é a Cachoeira Dragão Azul, que possui pouco volume de água e não possui piscina para banho. Suas águas calmas fluem até se precipitarem sobre degraus de pedras. É ideal para relaxar e curtir a natureza ao redor.

A Pérola do Dragão é a terceira cachoeira do local, é uma das mais atrativas para banho do local, pois possui uma forte queda com uma espécie de banco natural embaixo, onde você pode sentar e receber uma deliciosa massagem natural. É sem dúvida muito relaxante! Abaixo dela, forma-se um excelente poço de banho, muito profundo, impossível de ver o fundo. Através de seus paredões de pedra, é possível pular do alto para o poço. É uma cachoeira muito bonita!

A quarta cachoeira é a Nuvens do Dragão, uma pequena queda com baixo volume de água. Suas águas calmas e transparentes caem em um raso poço onde é possível sentar e relaxar.

A Dragão Verdadeiro por sua vez destaca-se por sua altura e na época de nossa visita possuia pouco volume de água e uma piscina natural de banho com águas calmas e límpidas. É a quinta cachoeira do local e uma das mais bonitas cachoeiras do mosteiro.

A sexta cachoeira do mosteiro é a Cachoeira Dragão Voador, que possui aproximadamente 55 metros e é a maior de todas as cachoeiras do mosteiro. A piscina que se formou logo abaixo dela é ótima para um banho. As águas que caem da cachoeira são bem mais quentes que a água da sua piscina, pois, boa parte dela está escondida do sol.

A Dragao do Céu possui pouco volume de água e ela desaba num excelente poço para banho, na sua base é possível sentar e receber uma ótima massagem natural. É a sétima cachoeira do local.

A oitava e última cachoeira do mosteiro é a Cachoeira Rei dos Dragões. É pequena e possui (pelo menos na época em que visitamos) pouquíssimo volume de água, uma espécie de chuveirinho, sem poço para banho.

Como Chegar

Localizadas a 40 km de distância da cidade, na região conhecida como Várzea do Lobo, o acesso as Cachoeiras dos Dragões se dá por 25 km de asfalto e 15 km de estrada de chão, que nem sempre está em boas condições, pois é estrada de pedreira, com muitos buracos. A estrada passa dentro de rio, que em períodos chuvosos pode encher a ponto de impedir o tráfego, principalmente na volta, ao final do dia. O carro chega na sede da fazenda e de lá anda-se pela trilha de 4,5 km num circuito que dura pelo menos umas 4 horas. Não é uma caminhada cansativa, pois vai parando de cachoeira em cachoeira e o tempo pode ser maior ou menor conforme o tanto que se curte. A trilha é simples, pedregosa, escorregadia quando molhada e com declives a aclives acentuados.

Demais Informações

- É cobrada taxa de entrada por pessoa
- Para saber mais sobre cada uma das cachoeiras e simbologia por trás dos nomes delas, acesse a página de cada uma das quedas na seção "Cachoeiras" do nosso site
- Quer descontos em Cachoeiras, Hotéis, Pousadas, Pacotes Turísticos, Esportes de Aventura, Cursos de Mergulho e muito mais? Clique aqui e saiba mais sobre o programa SÓCIO PDC...

Comentários